Anais da 30aRBA
ISBN n° 978-85-87942-42-5

MC02. Arte e política

Nos últimos anos, o interesse por perspectivas analíticas que considerem as diversas formas de eficácia política das artes tem aumentado de forma marcante, seja pelo reflorescimento acadêmico de discussões em torno da agência dos artefatos e da dimensão política das imagens e práticas corporais, seja pelo cenário social contemporâneo no qual expressões e obras artísticas tem sido usadas como parte de proposições públicas sobre problemas e questões sociais proeminentes. A partir deste contexto, o minicurso pretende discutir o entrelaçamento entre práticas artísticas e atuações políticas, tendo como pano de fundo as maneiras por meio das quais a arte possibilita um tipo peculiar de engajamento social. O minicurso será dividido em três sessões nas quais serão abordadas:

1 – A maneira pela qual artistas se valeram de práticas de travestimento para tensionar tanto questões do próprio campo artístico quanto tabus relacionados à concepções de gênero e sexualidade.

2 – Os deslocamentos e usos da distinção entre arte e política no cenário contemporâneo, pensados a partir das práticas desenvolvidas por artistas fora do campo de visibilidade da arte e sua relação com a dimensão poética e performativa dos chamados novíssimos movimentos sociais.

3 – A apropriação política de obras literárias e sua atuação em contextos de luta social, entendendo arte e política como atuações que se encontram, atraem-se e, muitas vezes, rejeitam-se mutuamente, tornando sua relação tensa e indissociável.

Coordenador(es): Marcos Alexandre dos Santos Albuquerque (UERJ) e Vitor Pinheiro Grunvald (Faculdade Cásper Líbero)
Ministrantes:
Vitor Pinheiro Grunvald (Faculdade Cásper Líbero) - SESSÃO 1
Julia Ruiz Di Giovanni (Departamento de Antropologia USP) - SESSÃO 2
Syntia Pereira Alves (Centro Universitário Belas Artes) - SESSÃO 3